ERP é a sigla de Enterprise Resource Planning, que em português significa Planejamento de Recursos Empresariais. Esse modelo de software disponibiliza ferramentas integradas de contabilidade, finanças, recursos humanos e demais setores da empresa, contribuindo para automatizar tarefas e tornar mais eficiente a gestão empresarial.

Ao disponibilizar recursos a vários departamentos da organização, esse sistema diminui as chances de erros na execução das atividades. Ao mesmo tempo, as incompatibilidades entre outras ferramentas são reduzidas.

Já imaginou quantas vantagens um software como esse pode trazer para um negócio? Em vez da equipe precisar lançar informações em planilhas de Excel, ela poderá centralizar os dados no sistema interpretando as informações financeiras e contábeis de maneira simples e rápida.

Além disso, muitas ferramentas do mercado permitem a integração com as áreas de vendas e compras. Dessa maneira, o gestor tem muito mais controle de toda a operação da empresa.

Quando um produto é lançado no estoque, por exemplo, o setor financeiro já recebe as informações para realizar o pagamento. Da mesma forma, quando um item é vendido, o estoque é ajustado para evitar falhas de comunicação entre os setores da organização.

O sistema ERP pode, ainda, auxiliar na emissão da nota fiscal eletrônica, já que as atividades são automatizadas.

Como ele funciona e para que serve?

Geralmente, o sistema ERP tem variados módulos, que conversam entre si. Ele é criado a partir de uma base de dados única, mas que faz divisões por módulos para contemplar setores diferenciados das empresas, como contabilidade, recursos humanos e vendas.

Como as informações são integradas, os processos transcorrem de maneira mais ágil e com menos erros. Quando o software identifica poucos produtos no estoque, por exemplo, os dados aparecem para o setor de compras, que pode providenciar mais unidades.

Assim, é possível reduzir os problemas de comunicação entre os departamentos, pois o próprio sistema ERP faz essa integração das informações. Vale lembrar que o modelo de software poderá mudar de acordo com a empresa escolhida e o segmento do estabelecimento.

Uma solução para um supermercado, por exemplo, terá funcionalidades diferentes daquelas utilizadas por uma fábrica. Enquanto uma precisa controlar a frente de caixa e integrar os dados com o setor financeiro, a outra necessita acompanhar a produção de cada departamento.

Por esse motivo, é sempre importante avaliar a empresa que fornece a solução. Considere se ela oferece as funcionalidades que atendem ao segmento de mercado em questão.

Qual a aplicação do sistema ERP?

Trata-se de uma importante ferramenta para organizar as demandas da empresa e registrar informações de fornecedores, clientes, colaboradores, produtos e finanças.

O software também auxilia o gestor a identificar os itens mais vendidos pelo estabelecimento, os processos que apresentam falhas e a margem de lucro de cada um deles. Logo, em médio e longo prazo, a solução ajuda a melhorar a competitividade da sua empresa diante dos concorrentes do mercado.

Como o sistema ERP auxilia a gestão empresarial?

Um sistema ERP oferece muitas vantagens para o estabelecimento. A principal delas é o auxílio para uma visão ampla sobre o negócio e a possibilidade de criar relatórios detalhados sobre os setores, o que contribui para a identificação dos processos que trazem melhores resultados.

Veja outras vantagens dessa ferramenta:

  1. Redução de custos

Por aumentar o controle sobre todas as atividades, o software ERP ajuda a diminuir os custos do empreendimento. O domínio dos itens em estoque, por exemplo, reduz as perdas de materiais em caso de vencimento do prazo de validade.

Ao identificar que algum produto está próximo da data de expiração, o gestor pode aplicar uma promoção especial para reduzir a sua perda. A solução ainda proporciona aumento na produtividade dos colaboradores, uma vez que as tarefas são automatizadas e o trabalho manual é reduzido. Consequentemente, o gestor pode observar:

Maior cumprimento dos prazos de entrega;

Diminuição da necessidade de contratação de mais profissionais;

Redução dos custos de TI.

  1. Controle sobre os processos

O sistema ERP tem módulos que permitem a integração de todas as atividades da empresa. Dessa forma, ele aumenta o controle do gestor sobre os processos, permitindo maior domínio dos setores que apresentam mais problemas e a identificação de maneiras mais eficazes para administrar a empresa.

Para complementar, ele permite que você dedique o seu tempo à gestão do negócio porque a ferramenta faz o controle dos processos.

3.Maior eficiência da gestão tributária

Um benefício que, muitas vezes, não é percebido pelos gestores é a redução dos riscos de notificações e multas por parte do fisco. Afinal, o software ERP auxilia no cumprimento da legislação tributária e fiscal, o que diminui as chances de erros no pagamento de impostos.

  1. Segurança dos dados

Quantas vezes a sua equipe já perdeu informações importantes ou demorou horas para encontrá-las? Um sistema ERP diminui esse tipo de problema, pois reúne os dados em um mesmo local. Sendo assim, basta fazer uma pesquisa sobre os itens que o gestor precisa saber e analisar as informações minuciosamente.

Quais são os principais módulos do ERP?

Um sistema ERP completo apresenta diversos módulos que podem fazer parte do modelo padrão ou indexados conforme as necessidades da companhia. Conheça os principais:

  • faturamento;
  • financeiro;
  • compras;
  • estoque;
  • RH;
  • fiscal;
  • gerenciamento de projetos;
  • produção.

Como usar a solução em empresas de diferentes portes?

Muita gente que sabe o que é o ERP acredita que essa solução serve apenas para grandes companhias. Isso é um mito. Até mesmo pequenos negócios podem optar pelo sistema. Nesse momento, você deve estar pensando: será que vale a pena?

A resposta é sim. Veja como usar o sistema nos três casos.

Pequenas empresas

Nesse caso, o sistema de gestão empresarial acompanha o crescimento do negócio a partir de um plano básico, que tem um investimento inicial mais baixo, mas oferece os recursos necessários para o bom andamento da companhia.

Assim, você paga apenas pelo que utilizar e, como consequência, evita o desperdício. Além disso, obtém informações corretas sobre várias áreas — como estoque, financeiro e comercial —, o que permite obter eficiência e inteligência nos processos de gestão.

Isso ocorre por meio da eliminação de planilhas e implantação de recursos tecnológicos, que gerenciam todos os aspectos do negócio. Com isso, é possível atingir resultados melhores. 

Médias empresas

As médias empresas têm a chance de se tornarem mais inteligentes com o ERP. Isso acontece pela automação com inteligência artificial e análises preditivas. Desse modo, os colaboradores atuam de maneira mais estratégica.

Ao mesmo tempo, são obtidos insights valiosos, que geram melhorias para a experiência dos usuários internos e externos. Com o tempo, são implantadas outras inovações, que permitem aumentar o compliance nos diferentes processos, como os financeiros, de compras, RH, gestão da cadeia de suprimentos e mais.

Grandes empresas

Nessa última opção, são acrescentados mecanismos de inteligência artificial e machine learning para identificar oportunidades de negócio e implantar melhorias. A partir disso, são adotados diferentes recursos, como:

deep learning: aprendizado profundo que reproduz o funcionamento dos neurônios para fornecer uma resposta;

smart data discovery: é o futuro do BI e visa ao entendimento de todos os dados para gerar relatórios automáticos;

análise preditiva: verifica a probabilidade de um evento ocorrer a partir de diferentes variáveis analisadas por um algoritmo;

aprendizado supervisionado: prevê a possibilidade de decorrer determinado acontecimento futuro a partir de um histórico de dados;

aprendizado não supervisionado: identifica características semelhantes de um grupo, por exemplo, de clientes;

aprendizado por reforço: usa-se tentativa e erro para definir quais ações trazem mais recompensa. O dispositivo interage com o ambiente e oferece um feedback, a fim de potencializar os resultados.

Com essas ferramentas, sua organização oferecerá uma experiência digital melhor, com automação de tarefas e execução de processos de última geração. Assim, são incorporadas tecnologias inteligentes para subsidiar as tomadas de decisão.

Conclusão

Toda empresa pode se beneficiar do conceito de ERP para tornar seu negócio mais rentável e produtivo. Porém, alguns sinais podem ajudar a identificar se você deve implementar o ERP, como:

  • Usar diferentes softwares para diferentes setores e você tem dificuldade de acessar as informações e analisá-las como um conjunto;
  • A contabilidade da empresa é demorada e ineficiente, gerando dores de cabeça constantemente;
  • O setor de vendas não está entregando resultados satisfatórios e seus clientes estão insatisfeitos;
  • Os gastos com o setor de TI é alto e não traz soluções eficientes para a empresa.

Restou alguma dúvida sobre como o conceito de ERP pode transformar positivamente seu negócio? Deixe um comentário no post!

Artigos Relacionados

Principais tipos de integração de um sistema ERP

Principais tipos de integração de um sistema ERP

Buscar soluções de gestão robustas e eficientes é indispensável hoje em dia, mas, com a quantidade de operações que a ferramenta precisa realizar, é preciso atentar para os tipos de ERP, bem como conhecer as diferentes formas de integração, desmentir mitos, entender...

read more
Você já ouviu falar em Mobile First?

Você já ouviu falar em Mobile First?

Você já ouviu falar em mobile first? Esse conceito vem ganhando cada vez mais destaque nos projetos digitais e mercado de eventos. Ele afeta diretamente as ações de marketing desenvolvidas nos ambientes online e está transformando o modo de as empresas...

read more
O Que é Briefing?

O Que é Briefing?

O termo Briefing não tem uma tradução específica já que é uma palavra que vem sendo usada em sua forma original mesmo na língua portuguesa. Porém podemos levar em conta o verbo inglês To Brief que significa resumir, portanto, o briefing se trata de um resumo, um...

read more
Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá, como posso te ajudar?