Automação comercial pode ser definida como a utilização de ferramentas e métodos tecnológicos para automatização de tarefas corporativas. Ela pode ser aplicada tanto em ações operacionais como na parte estratégica do negócio.

A automação comercial é prima próxima do que conhecemos por automação industrial.

Enquanto a segunda tem o objetivo de otimizar as execuções dentro da planta fabril (mas também se estendendo ao backoffice), a automação comercial busca realizar o mesmo em comércios, lojas e varejo em geral.

Ou seja, pode ser aplicado tanto na loja como em seus sistemas.

Como funciona a automação comercial?

A automação comercial funciona com a utilização de ferramentas e soluções tecnológicas que otimizam, integram, padronizam e, claro, automatizam processos.

Ela pode ser implementada tanto na linha de frente de uma loja, apoiando a parte operacional de um sistema PDV, como no backoffice.

Dessa forma, você pode encontrar impactos positivos tanto no atendimento e no trato direto com o cliente, como na gestão do próprio negócio

Quer alguns exemplos?

Para o PDV, existem soluções interessantes que agilizam várias etapas, como estações de autoatendimento que facilitam a tarefa para o cliente.

Hoje em dia, é possível encontrar inovações ainda mais interessantes, que utilizam de dispositivos IoT para ler o PDV e contribuir com insights para a tomada de decisões, como a disposição dos produtos na loja.

No escritório, a automação comercial pode acontecer por meio de uma ou várias ferramentas. A mais utilizada é o ERP, um software de gestão que integra os setores e facilita a vida administrativa do seu negócio.

Com ele, você tem em mãos uma solução capaz de automatizar tarefas do setor Estoque, Financeiro, Vendas, Compras, RH e mesmo Atendimento Online.

Para que serve a automação comercial?

A automação comercial serve para apoiar (ou muitas vezes assumir) processos operacionais, como o atendimento ao cliente ou geração de notas fiscais.

Sua aplicação no varejo tem o objetivo de otimizar os procedimentos diários, tirando a carga operacional dos ombros dos colaboradores e agilizando as tarefas.

Além disso, com apoio de recursos tecnológicos, é possível obter dados e informações sobre cada uma dessas execuções automatizadas, o que traz mais segurança e prevenção de perdas para a sua loja.

O acesso a esses insumos pode ser decisivo para aprimorar a inteligência de negócios do seu comércio, auxiliando em uma melhor tomada de decisões.

O resultado de implementar a automação comercial em seu varejo é quase imensurável.

Depende muito do quão tecnológica sua empresa está disposta a se tornar, no entanto, não se deixe enganar: a automação comercial traz ótimos resultados.

Qual é a importância da automação para melhoria dos processos de uma empresa?

A automação comercial é uma resposta tecnológica aos anseios de um mercado que cada dia mais exige eficiência e agilidade. Como resultado, pode ser esperada a redução de custos e o aumento nas vendas.

Esses são os pilares de empresas, do varejo ou não, que se destacam da concorrência.

A automação tem essa característica inigualável de transformar o foco do negócio, voltando seus principais colaboradores e setores para o braço estratégico.

Não importa o quão operacional seja a empresa, é a partir da estratégia que ela se mantém, se desenvolve e cresce.

Para o comércio, a automação é uma solução que vai muito além da simples conveniência de desocupar os colaboradores de suas tarefas repetitivas.

Qual é o impacto da transformação digital nos negócios?

O que, de fato, impulsiona a automação comercial? Podemos citar vários fatores, mas um dos principais é a transformação digital.

O movimento, que define uma nova realidade para as empresas, buscando alinhá-las com soluções tecnológicas e digitais (como o cloud computing) é um dos propulsores dessa mudança.

E sua origem vem justamente dos consumidores, que passaram a ser muito mais digitais, conectados e (talvez por isso) exigentes.

Algo que se reflete tanto para os negócios B2C como B2B.

Por isso, às empresas cabe a adequação através de tecnologias inovadoras. Porém, é claro, tudo é um processo. Há empresas com melhores condições que outras, e que conseguem largar na frente quando o assunto é inovação.

Mas não se engane, essa não é uma batalha perdida.

Qualquer empresa pode — e deve — passar pela sua própria transformação digital.

A busca por soluções tecnológicas é ampla: há uma série de soluções no mercado, acessíveis para cada tipo de negócio e para todos os orçamentos.

Como a automação comercial ajuda em uma melhor experiência de compra do seu cliente?

Na prática, a utilização da automação comercial pode ser imaginada em uma série de tarefas. Praticamente todos os setores da sua empresa e loja podem se beneficiar.

Afinal, trata-se de uma tecnologia que integra informações e fornece insumos para que sua empresa e seu cliente se conectem, garantindo mais transparência e melhor contato entre eles. Para esse sistema damos o nome de CRM.

Quer saber as principais implementações? Veja só:

Estoque

Grande desafio para as empresas, controlar entradas e saídas de produtos do estoque pode ser complicado, quando há alta rotatividade ou situações como sazonalidade, o controle via planilhas pode apresentar altos riscos.

Um sistema que automatize e integre essas etapas dá uma visão ampla de cada movimentação, possibilitando maior poder de previsibilidade para melhorar a tomada de decisões.

Assim, sua empresa não sofre com faltas e nem excessos inesperados, favorecendo o orçamento.

Vendas

Processo de suma importância, a venda é outra etapa que pode se beneficiar demais com a automação comercial. Ao atender de forma ágil o cliente, com auxílio de um sistema que emite documentos fiscais com agilidade, você ganha pontos com ele.

Além disso, um sistema como um ERP integra os dados, assim, você sempre terá em seu banco de dados todo histórico de engajamento, compras e informações sobre esse cliente — o que facilita na criação de estratégias de marketing segmentadas, potencializando seu ticket médio e sua fidelização.

Análise de crédito

No varejo, uma etapa muito importante antes da venda é a análise de crédito.

Sem um sistema que auxilie na verificação automática, sua empresa corre o risco de entrar em grandes “furadas”.

Controle financeiro

As empresas, especialmente no caso do varejo, registram grandes movimentações todos os dias.

Manter o controle sobre cada uma delas, garantindo entendimento sobre contas a pagar e receber, é um grande desafio, nem pense em conduzir esse processo manualmente, pois a chance de erros é muito alta.

Aqui, a automação comercial se encaixa como uma luva.

Todo processo de registro de movimentações e organização das contas fica a cargo do software de gestão, que automatiza todo processo, facilitando a gestão financeira.

Documentação fiscal

Muito além de gerar os documentos fiscais, é necessário conduzir outra tarefa para manter a empresa dentro dos compliances externos e internos: seu armazenamento.

Com um software apropriado, toda etapa de organização e armazenamento dos documentos fiscais são guardados na nuvem.

O acesso facilitado a cada um desses arquivos torna algumas tarefas muito mais simples, como: fechamento de caixa, controle de vendas (e seu tipo, como via cartão de crédito ou débito), giro de produtos e demais informações fiscais.

Quais são as vantagens de investir em automação comercial?

O sistema de automação empresarial pode atuar em diferentes setores de uma empresa, desde a coleta de dados importantes até a criação de estratégias.

Por meio da automação comercial, é possível organizar um registro do histórico de cada cliente que passa pela empresa, os dados resultantes são importantes para o desenvolvimento de práticas de fidelização do consumidor, como atendimentos customizados ou direcionamento assertivo de ofertas.

Veja suas principais vantagens:

Aumento da produtividade

A automatização de processos faz com que o tempo para realizar cada tarefa diminua, atividades manuais – inclusive as burocráticas – dão espaço para os meios tecnológicos que simplificam o trabalho.

Integração do banco de dados

Ao aderir a uma solução de automação comercial, você integra seu banco de dados em toda empresa, ou seja, cada operação é mapeada e cada resultado é registrado.

Assim, fica muito mais fácil analisar o desempenho dos setores, bem como traçar objetivos e identificar gargalos operacionais. Isso sem contar com o alinhamento entre os times, tendo os dados compartilhados de maneira segura e transparente.

Padronização

Em uma empresa, a padronização é importante para manter o padrão de qualidade estabelecido. Muitas vezes, esse fator é definido por certificados, como o ISO.

Manualmente, é difícil realizar essa tarefa com consistência, no entanto, ao automatizar as tarefas, você define parâmetros produtivos que jamais serão modificados. Isso contribui para melhores entregas!

Monitoramento de desempenho

Como você já aprendeu, uma das vantagens de integrar o banco de dados e ter acesso a essas informações, é a possibilidade de monitorar o desempenho geral da empresa, assim, todo processo de análise de oportunidades de melhoria é mais transparente e fácil, sem que seja necessário investir muito tempo na atividade.

Isso, por meio de um sistema de gestão, acontece de maneira intuitiva, com dashboard personalizados com os principais KPIs do seu negócio.

Redução de custos

A lucratividade da companhia é ampliada, uma vez que você pode voltar seus colaboradores para as tarefas que precisam de mais assertividade e tomada de decisão, atividades e processos ineficientes podem ser detectados com a ajuda da automação reduzindo perda de dinheiro e tempo.

Além disso, há uma diminuição dos custos com trabalhos extras, e ocorrem menos erros nas tarefas diárias.

Melhoria da logística

A automação comercial proporciona um alto nível de controle sobre cada operação dentro da empresa, especialmente no varejo, isso possibilita que você alinhe cada setor para garantir entregas constantes ao setor logístico, cumprindo (e muitas vezes otimizando) os prazos.

Conclusão

Se a sua empresa pretende figurar de vez como competidora no mercado, é hora de deixar as velhas práticas para trás e olhar para o que é novo.

É a vez da automação comercial entrar em cena, auxiliando todo seu processo de gestão do negócio, mais produtividade para sua empresa crescer, com a redução de custos que você sempre quis. O resultado? Eficiência que se traduz em diferencial competitivo!

O que achou do conteúdo? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

Artigos Relacionados

O que é um sistema ERP?

O que é um sistema ERP?

ERP é a sigla de Enterprise Resource Planning, que em português significa Planejamento de Recursos Empresariais. Esse modelo de software disponibiliza ferramentas integradas de contabilidade, finanças, recursos humanos e demais setores da empresa, contribuindo para...

read more
Taxa de conversão: o que é e como calcular?

Taxa de conversão: o que é e como calcular?

Muitas empresas olham para a taxa de conversão como uma métrica a ser utilizada como termômetro para entender a real eficiência da comunicação do site ou de uma página específica. Há quem prefira usar essa informação puramente para definição de metas de um time...

read more
O que é Marketplace?

O que é Marketplace?

Marketplace é um modelo de negócio conhecido como uma espécie de shopping center virtual. É vantajoso para o consumidor, visto que reúne diversas marcas e lojas em um só lugar, facilitando a procura pelo melhor produto e melhor preço. Mas a pergunta é, por que esse...

read more